Os benefícios são inúmeros, ainda mais para os bebês, pois eles ainda possuem seus sistemas em formação. A acupuntura auxilia na reorganização energética e na harmonização do sistema. A medicina chinesa também é indicada para várias patologias infantis como enurese noturna (fazer xixi enquanto dorme), doenças respiratórias (rinite, bronquite e asma), distúrbios do sono (pesadelos e medo de dormir no escuro).

O tratamento é recomendado também para estimular áreas do cérebro relacionadas ao aprendizado escolar como memória e raciocínio lógico, além de ajudar na redução do uso de medicamentos pelas crianças com doenças crônicas, amenizando os efeitos colaterais de remédios.

Vale lembrar que os pontos estimulados no bebê ou na criança são os mesmos utilizados no adulto. A diferença está em como fazer. As crianças são mais agitadas e requerem abordagem criteriosa e paciente. O pediatra acupunturista ganha a confiança da criança, criando o vinculo médico-paciente. As agulhas utilizadas em crianças respeitam a idade da criança. Para os bebês são utilizadas agulhinhas menores.

O mais importante é escolher um bom profissional, de preferência, com especialização em pediatria para definir a melhor abordagem de tratamento que poderá ser feita com agulhas, sementes pequenas como a de mostarda, laser, ventosas ou pressão manual.

Um grande abraço,

Dra. Márcia Yamamura

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here