As três condições – bronquiolite, bronquite e asma – tem como característica comum a dificuldade em respirar pela obstrução das vias respiratórias. O ar que entra tem dificuldade em entrar e sair, por isso, a sensação de falta de ar e o cansaço ocorrem.
Mas como diferenciar? É importante fazer o diagnostico de qual a condição pois os mecanismos de obstrução são diferentes e, portanto, o tratamento. Na asma e na bronquiolite, a falta de ar costuma ser mais importante.

A bronquiolite é a infecção dos bronquíolos, a parte mais terminal da nossa arvore respiratória, e é causada por vírus, sendo na maioria das vezes, o Vírus Sincicial Respiratório. Bebês e crianças menores de 2 anos são os mais acometidos em especial nos meses de outono e inverno. Bronquiolite significa inflamação dos bronquíolos que provoca uma obstrução das vias respiratórias, o ar tem dificuldade para entrar e sair. Apesar de ser benigna, ou seja, de boa evolução, às vezes bebês muito pequenos e os que nasceram prematuros, precisam ficar internados pois além do trato respiratório não estar desenvolvido totalmente, a imunidade baixa e a intensidade da infecção pode comprometer o estado geral da criança. Após 7 a 10 dias, o quadro está resolvido. Os sintomas mais frequentes são: respiração forte com desconforto, ofegante, com ou sem febre, chiado e tosse. Levar imediatamente para que o médico avalie. Muitos bebês que tiveram bronquiolite podem desenvolver asma na infância.

Já a bronquite é a inflamação dos brônquios, por onde o ar é conduzido no trato respiratório. Em geral, ela é aguda e causada por vírus ou bactérias e também aparece mais no outono e inverno. Como a inflamação estreita a passagem do ar, causa o desconforto para respirar. Agentes que irritam os brônquios também causam bronquite e o mais comuns são poluição, poeira, cigarro, tinta. É muito comum a inflamação se tornar crônica e isso faz com que a mucosa (parede) dos brônquios se estreite e continuamente produza muco e catarro como reação à inflamação, levando ao sintoma de tosse com catarro. Caso a inflamação seja importante, pode-se comprometer a oxigenação e neste momento, medidas de suporte em hospital podem ser necessárias. A bronquite também acontece como reação a um quadro bacteriano (pneumonia) precisando de antibióticos para o tratamento. O sinal mais característico da bronquite é tosse com expectoração. Ela pode virar crônica e o principal causador é a fumaça do cigarro, por isso a bronquite crônica é conhecida como “tosse dos fumantes”.

A Asma, também acomete os brônquios, mas tem como característica o estreitamento da via aérea pelo espasmo da musculatura dos brônquios, deixando-os “fechados” causando muita falta de ar e desconforto para respirar. Das causas mais comuns, o fator ambiental que cause reação alérgica é o mais comum, podendo ser desde pó, pólen, poluição, acaro e ate cheiros; ou seja, cada pessoa pode ter um desencadeante diferente. A asma evolui em crises, que podem ser de leves à graves, que precisem de internação. O sinal característico é a dificuldade para soltar o ar (expirar), com sibilos e chiado no peito. Muitos evoluem com um quadro crônico, sendo mandatório controlar as crises com medicação e medidas de higiene ambiental.

Para o diagnostico diferencial entre as três condições, observa-se a historia das crises e o exame clinico. Às vezes, são necessários exames como prova de função pulmonar para completar o diagnostico.
Medidas gerais como vaporização, medicamentos que visem diminuir a inflamação, descongestionantes e mucoliticos podem ser utilizados, mas nunca sem indicação medica. A automedicação além de mascarar o quadro, pode levar à piora por retardar iniciar o tratamento adequado.
Para os portadores de bronquite crônica, o mais importante é parar de fumar pois estarão expostos a gripes, pneumonias e doenças decorrentes do uso crônico de cigarro, como enfisema e câncer.

16 COMENTÁRIOS

  1. Nice blog here! Additionally your web site a lot up very fast! What host are you the use of? Can I get your affiliate hyperlink for your host? I wish my site loaded up as fast as yours lol Tabbitha Burton Galvan

  2. Hi there excellent website! Does running a blog like this take a lot of work? I have absolutely no expertise in programming but I was hoping to start my own blog soon. Anyway, if you have any suggestions or techniques for new blog owners please share. I know this is off topic nevertheless I simply wanted to ask. Thanks a lot! Sonia Pryce Figge

  3. Thanks, Anne! Ja, the aroma of our Bratkartoffeln is noticeable even outside our trailer in the open air. Just follow your nose from CA to TX, and soon you will be im Kartoffelhimmel! Gwen Otto Liddie

  4. When I originally commented I clicked the -Notify me when new surveys are added- checkbox and now each time a comment is added I receive four emails with similar comment. Could there be by any means you possibly can eliminate me from that service? Thanks! Almira Aksel Wake

  5. Hey! This is my first comment here so I just wanted to give a quick shout out and say I really enjoy reading your posts. Can you suggest any other blogs/websites/forums that cover the same subjects? Thanks! Elysia Base Cesaria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here